market

Baixa liquidez do BTC pode aumentar volatilidade no final de março

Os recentes desdobramentos macro somados à retomada da narrativa do Bitcoin como valor de reserva estão criando um ambiente no qual o Bitcoin pode ter desempenho superior aos demais ativos de risco, embora a liquidez possa ser um problema.
Baixa liquidez do BTC pode aumentar volatilidade no final de março

27 de março de 2023 - Os preços do Bitcoin ficaram ao redor dos US$28k na semana passada, o que é o mesmo patamar que eles atingiram no final de semana anterior, quando bancos centrais ao redor do mundo, liderados pelo Fed, proveram um montante relevante de liquidez ao sistema bancário internacional, tentando evitar uma piora da atual crise bancária. Além disso, o UBS Group comprou o problemático Credit Suisse com a benção do banco central suíço, e o Fed anunciou que garantiria um fluxo constante de dólares usando linhas de swap. Em paralelo, houve um “flight to quality” para o Bitcoin vindo das altcoins conforme a dominância da maior criptomoeda sobre os demais criptoativos atingia a máxima de nove meses, aos ~45%. Apesar das preocupações bancárias, o Fed aumentou a taxa de juros em 25bps, como esperado, mas indicou que altas adicionais não eram mais uma certeza.

Esses elementos macro somados à retomada da narrativa do Bitcoin como valor de reserva estão criando um ambiente no qual o Bitcoin, e outros criptoativos, podem ter desempenho superior aos demais ativos de risco. No entanto, as recentes medidas dos reguladores americanos contra a indústria cripto tem evitado que alguns participantes do mercado movam seus recursos do mercado financeiro tradicional para o Bitcoin, que tem sido visto por muitos como um potencial porto seguro contra um sistema bancário em descrédito. De fato, a liquidez do Bitcoin caiu abaixo do nível atingido quando a FTX/Alameda colapsou no final do ano passado, o que foi chamado à época de “Alameda Gap” devido à sua importância como market maker. Portanto, os preços do Bitcoin podem experimentar um aumento de volatilidade nas próximas semanas devido a baixa liquidez, em nossa visão.

Enquanto isso, empresas do mercado financeiro tradicional estão lentamente, mas persistentemente aumentando sua exposição à indústria cripto. A Nasdaq acabou de anunciar seus planos para lançar um serviço de custódia cripto no final do 2T23. A companhia está entre outros grandes nomes como a Fidelity Investments, BNY Mellon e BlackRock, que tem desenvolvido produtos relacionados à indústria cripto ultimamente. E vale a pena destacar que a Digitra.comfoi a primeira operação do mundo a utilizar tecnologia da NASDAQ para negociar criptomoedas.

Para esta semana, nós acreditamos que os investidores prestarão atenção ao desenvolvimento das situação do Deutsche Bank, após seu credit default swap disparar na sexta. Alguns analistas foram rápidos em diferenciar a situação do Deutsche Bank daquela do Credit Suisse, o que pode ser um sinal positivo. Adicionalmente, o mercado pode olhar para a divulgação dos dados de inflação nos EUA na sexta, buscando alguma tendência inflacionária, embora a próxima decisão de juros do Fed seja apenas em 3 de maio.

Sobre a digitra.com

Somos uma exchange global de criptoativos. A primeira operação do mundo a utilizar tecnologia da NASDAQ para negociar criptomoedas. Somos também a primeira exchange de criptomoedas que não cobra taxas dos clientes para negociação e fazemos a guarda dos ativos dos clientes com a Fireblocks, principal empresa de guarda institucional de criptoativos no mundo e temos um seguro para garantir as moedas. Com esta combinação criamos no mundo cripto um nível de governança que só existe nas instituições financeiras tradicionais.

moreContentOnTheMedias